Saiba mais

UOL EdTech adquire startup Skore - Plataforma LXP

Blog

Por que criar um blog para sua empresa

content

Cada vez mais as empresas se veem forçadas a encontrar estratégias para agradar seus clientes e se destacar no mercado em que estão inseridas, e foi com essa ideia que o blog se tornou uma ferramenta muito usada no mundo dos negócios. 

 

Essas plataformas se tornaram um meio da empresa levar conteúdo de valor para seus seguidores e auxiliá-los de alguma forma, garantindo para si os benefícios de manutenção e atração de clientes, por meio do ambiente digital. 

 

Portanto, com o crescimento da internet e a dissipação dessas formas de comunicação, tornou-se muito mais simples para as empresas alcançarem seus compradores e potenciais, influenciando na forma com que eles atuam. 

Blog: o que é?

Atualmente, o blog é uma página da web pessoal ou profissional, que sofre atualizações frequentes e pode ser utilizada por empresas ou qualquer usuário comum com o desejo de possuir um diário na internet. 

 

Ela se tornou uma ferramenta muito conhecida devido a sua alta capacidade de compartilhamento de conteúdo e praticidade para surgir como um meio de comunicação eficiente e mais próximo. 

 

É um espaço que permite a publicação de material de texto, fotos e artigos, os chamados posts, e podem auxiliar de forma significativa nas estratégias de marketing digital, beneficiando em diversos pontos seu criador. 

 

De forma mais conceitual, o termo blog foi consequência da união das palavras “web” e “log” em inglês, passando a ser “weblog” e, futuramente, apenas blog, tendo como tradução “diário de rede”. 

 

Graças à facilidade de liberar publicações, sem a necessidade de conhecimentos mais aprofundados sobre o assunto, ele se tornou um mecanismo que atrai muitos usuários, tanto para sua publicação, quanto para sua leitura. 

 

No início de sua popularização, os blogs serviam como um tipo de diário virtual do autor, em que ele compartilhava experiências próprias e sentimentos, ou sua opinião sobre diversos assuntos, como resenhas de livros ou produtos de beleza. 

Quais os tipos de postagem nos blogs?

As postagens nos blogs podem possuir características diferentes e englobar objetivos diversos, possibilitando a produção de conteúdos com alta variedade, além do alcance de públicos diferentes. 

 

Os principais deles serão analisados a seguir:

1 - Educativo

O post educativo é o mais comum e eficiente do mundo da internet, em que o objetivo é ensinar ao público sobre algum tópico relacionado ao nicho daquela empresa. Ou seja, o foco está mais direcionado a educar do que em realizar a venda em si. 

 

Em casos de dicas de como utilizar um determinado produto, é possível que um cliente que já o utiliza, encontre uma nova forma de aproveitá-lo de formas diferentes, usando o máximo do seu potencial. 

 

Em outras situações, é uma ótima forma de atrair novos usuários para o site, para explicar sobre o serviço e transformá-los em consumidores em um futuro próximo. 

 

Logo, uma empresa de decoração que faz uma postagem sobre as funcionalidades de uma divisória drywall pode ajudar o leitor a respeito desse assunto e garantir que ele se interesse pelo tópico em geral, facilitando a contratação do serviço.

 

O importante para este tipo de publicação é a compreensão dos problemas e incômodos do seu público-alvo, pois essa análise servirá como um direcionamento para as estratégias a serem aplicadas, conseguindo ser muito mais eficiente e focada na necessidade. 

2 - Tutoriais

Os tutoriais se referem à explicação de como realizar uma atividade de forma direta e sem segredos, guiando o leitor pelos passos e facilitando o seu trabalho a partir da reprodução das instruções. 

 

Por exemplo, uma marca que publica algo como “passos para instalar sua tela para cerca” precisará publicar em seu conteúdo toda ação obrigatória para o cumprimento desse processo. 

 

Para esse caso, é muito importante incluir imagens de acordo com cada etapa do processo para que tudo o que o leitor precisa realizar se torne mais claro e facilite a sua compreensão. 

3 - Listas 

Esse modelo é mais fácil de ser criado, uma vez que é necessária apenas a divisão do tema em tópicos de acordo com o padrão escolhido, abrangendo uma grande variedade de produção de conteúdo.

 

Elas garantem resultados significativos, devido ao fato de serem fáceis de ler, rápidas e fazerem com que a curiosidade dos leitores seja ativa, muitas vezes pelos títulos serem mais chamativos. 

 

Assim, uma empresa pode publicar: “X motivos da ginastica laboral em empresas”, demonstrando ser algo simples e sem grande desenvolvimento, as quais conseguem ser compreendidas sem dificuldades e aumentam a necessidade de descoberta desses pontos. 

4 - Estudos de caso

O tipo estudo de caso, também conhecido como case, serve como uma maneira didática e mais simples de demonstrar como a sua produtora superou os obstáculos e obteve os resultados. 

 

É fundamental que esta forma seja criada focando na perspectiva do cliente. Ao invés de ter a empresa comentando como o seu serviço é de qualidade e afins, ela coloca o consumidor nessa posição.

 

Consequentemente, há um aumento na sua credibilidade, visto que um indivíduo que testou o produto ou serviço e teve a sua experiência completa por conta própria se sentiu satisfeito ao final, mostrando que é algo real. 

 

Isso pode ser feito através de uma entrevista com o consumidor e postada no blog, como forma de estudo de caso. 

 

Dessa maneira, os próximos clientes em potencial que acessarem a página ficarão muito mais suscetíveis a adquirir o produto, devido ao fato de entenderem a opinião de uma pessoa que experienciou o item por conta própria. 

 

Ou seja, se um usuário acessar o site de uma clínica para fazer exame demissional e encontrar o estudo de caso, ele se sentirá mais confiante para contratar o serviço, afinal, não foi alguém com opinião parcial que garantiu sua qualidade, mas uma pessoa satisfeita.

Por que investir no uso de um blog?

Nesse contexto, é importante compreender a importância de um blog, uma vez que ele é capaz de auxiliar completamente no desenvolvimento de uma empresa, bem como no crescimento no mercado em que está inserida. 

 

Para começar, esse recurso dá a chance do negócio se aproximar dos seus leitores graças ao espaço de comentários nas publicações, pois dessa forma é possível pedir opiniões e interagir com eles.

 

Isso acontece de uma forma muito mais direta. Assim, em uma publicação sobre quais os melhores materiais para polimento, o usuário que se sentir confortável irá colocar quais opções ele acha melhores, promovendo engajamento no post. 

 

Dessa forma, o dono do blog pode responder o seu comentário, iniciando um diálogo e deixando-o cada vez mais confortável para participar mais vezes, o que promove o início de um processo de estreitamento do relacionamento.

 

Além disso, o blog é um ambiente propício para receber feedback direto daqueles que de fato acompanham o conteúdo, concentrando as suas opiniões em um único lugar. 

 

Com isso, há maior objetividade e eficiência na compreensão das ações que precisam ser adaptadas, uma vez que os leitores conseguem dizer diretamente ao escritor quais os pontos que precisam melhorar. 

 

Logo, se uma empresa publica um post sobre as funções do motor hidráulico de pistão e é deixado um comentário com questionamentos, nos próximos posts, a empresa responsável pelo blog saberá o que especificamente prejudicou o seu desempenho.

 

Como consequência, conseguirá ajustá-los de forma muito mais eficiente, tirando o foco de possíveis erros. 

Quais as vantagens do blog?

Além de ser algo muito importante para o desenvolvimento da empresa em si, a aplicação do blog no cotidiano de uma organização permite que ela tenha acesso a uma série de benefícios, como um melhor alcance e relacionamento com o público.

 

Com isso, além de aumentar a visibilidade do negócio, possibilitando um maior tráfego orgânico, mais algumas das vantagens do blog são:

 

  • Aumenta o número das vendas;
  • Garante uma imagem de autoridade;
  • Melhora o ranqueamento nos mecanismos de busca;
  • Facilita a jornada de venda;
  • Garante um público fiel e permanente.

 

É importante destacar o fato de que, ao produzir conteúdos nesse meio, a empresa é capaz de demonstrar que ela conhece de forma mais profunda o assunto com o qual trabalha, como usinagem CNC, aumentando sua autoridade e transmitindo segurança aos leitores. 

 

Ou seja, se uma marca explica cada conceito de forma aprofundada, dá dicas de realização e cuidados, além de diversos tópicos relacionados sobre os produtos que oferece, deixa claro que sabe o que faz, pois vai além do serviço, o que aumenta a sua credibilidade. 

Conclusão

Os blogs se tornaram uma ferramenta de produção de conteúdo com alta variabilidade, tratando desde viagens até formas de utilizar mesas corporativas como decoração, sendo capaz de auxiliar no desenvolvimento de diversas empresas.

 

Deve-se ter em mente a necessidade de conhecimento aprofundado sobre o assunto, visando a garantia de eficiência e resultados assertivos.


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.